terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Mickey (roteiros)

Como sempre, viajando na maionese com os personagens disney.
Algumas ideias foram escritas apos ler alguma edição em quadrinhos.
Algumas historias acabou me dando ideias para um final alternativo do original.

MICKEY o ultimo adeus
Mickey chega em casa vemos ele abrindo a porta de casa em uma cena que transmita melancolia.
Mickey vai até o banheiro lava o rosto e ao se olhar no espelho ele deixa cair uma lagrima.
Ele deixa claro que esta bem triste, mas pelo....????
Mickey já tem uma certa idade e ele conta que seu amigo pateta morreu.
Lembra dos momentos felizes e de como o tempo passa.
Menciona que o tio do Donald morreu algum tempo, que toma conta da fortuna do tio patinhas são dos sobrinhos, cresceram inteligentes e egoístas.
Donald recusou a fortuna e nunca a pediu alias ninguém sabe por ande anda Donald sumiu do mapa.
Há quem acredita que os sobrinhos abandonaram Donald sem nada e que ele hoje vive nas ruas.
Ou Donald ficou chateado porque margarida casou-se com outro sujeito.
Um dia também será o Mickey que deixa este mundo.
Mickey abraça minie olha seu filhos.
Na ultima pagina do HQ temos uma visão das costas do Mickey no ângulo de baixo para cima.

O quadro acompanha um ultimo texto.

O mundo é do Mickey.
Mickey contempla um grande quadro com varias marcas que são de propriedades Disney.
O rato que conhecemos na tela dos cinemas não é o mesmo que se pode conhecer pessoalmente.
Olhar duro e de sorriso pouco amigável. Mickey lembra de como foi sua infância amarga e solitária até atingir o topo.
Seu caminho foi de muitas mentiras e violência.
“talvez Mickey agrideMinie sem seu momentos de namoro”
“alguém investiga o passado do Mickey, mas não encontra muito apoio por medo e desanimo pois Mickey é o rato mais amado do mundo quem escutaria qualquer denuncia contra ele?”
  (O verdadeiro pateta foi assassinato pelo Mickey.
O verdadeiro era mais inteligente e sabia como lidar com as coisas.
Mickey preferiu contratar um sócia para se passar pelo pateta, alguém que o Mickey possa controlar com luxo coisa que com o verdadeiro não era possível.
Isso aconteceu porque Pateta teve que ser substituído durante uma filmagem em que o machucou, foi ai que Mickey aproveitou a chance)

Donald fora de casa
Donald expulso da casa que mora pelo patinhas ele então decide ir morar longe com os sobrinhos.
Donald tem um trabalho duro, o único lugar sem saber que é de seu tio permitiu trabalhar.
Não teve escolha, para sustentar os sobrinhos aceitou o trabalho.
Certo dia Donald sofre um acidente. Patinhas recebe a noticia de que Donald ficou invalido.
Acha que é uma farsa pra se aposentar mais cedo.
Os sobrinhos ficam preocupados, Donald avisa será tempos difíceis agora, mas mesmo invalido ele não desistira de lutar pelo seus garotos.

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Mickey Noir (roteiro)

Mais uma vez escrevi algo com os personagens disney me baseando em filmes de ação policial, espiões, gangster e muito tiroteio.
Mas o que tenho aqui é apenas uma ideia que precisa muito ser revisto.

Disney NOIR
Mickey na cena aparece amarrado na cadeira e com sinais de quem sofreu uma surra.
Meliantes falam com ele, Mickey os olha com ódio.
Ameaçam de castrar o Mickey. Uma garota se dispõe em fazer.
Alguém bate na porta e um cara atende, é o pateta que entra e faz o maior fervo, um profissional na luta corpo a corpo e na chacina.
Pateta é gay e ama o Mickey e fica louco quando vê como trataram ele, além que o pateta já é maluco por nascença. Um verdadeiro psicopata capaz de um show bizarro de sangue e corpos mutilados.
Quando um bandido ia levantar o braço para agredir Mickey esse mesmo leva um tiro na cabeça.
Alguém ficou no telhado usando uma arma esse alguém é o Donald. (ou a margarida, ainda na duvida na construção desse texto)
Donald menciona que tem medo do pateta por ser totalmente imprevisível no humor e pelo desejo de sangue.
Margarida também auxilia na ação com computadores e armas.(ou a Clara bela? Minie, ainda na duvida na construção desse texto)
Pateta corta as mão da moça que ia castrar o Mickey, Mickey fica assustado com aquela mão segurando seu pau.
Pateta tira a mãodecepada e chora pelo Mickey.
-o que fizeram com você Mickey? Esses malditos bateram em você. Sinto muito não ter aparecido antes pra te salvar Mickey.
-eu estou bem pateta só me desamarre.
-sim claro.
-Mickey, me deixe cuidar de você. A minie não pode te proteger. Ela é uma garota fraca.
-não fale mal da minie. Eu e você já tivemos uma conversa sobre esse assunto. Gosto de você apenas como amigo! Eu não curto relacionamentos homo, eu não sou gay. Nunca mais mencione isso. Fui claro.
-Esta bem Mickey.
Pateta pensa
“se não fosse pela minie o Mickey não estaria com aquela vagabunda, eu devia matar ela, mas o Mickey nunca mais iria falar comigo se acontece algo com aquela piranha”
Mickey chega em casa e minie o socorre e começa a cuidar de seu namorado.

E também rola uma transa entre os dois.

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Mickey Sexta feira 13 (Roteiro)

Mais uma ideia que escrevi pensando em usar os personagens Disney para alguma parodia baseada em alguma franquia.
Para texto a seguir eu escolhi um filme de terror Sexta feira 13.

Disney - SEXTA FEIRA
A noite a turma toda esta reunida em volta do fogo em um parque ouvindo historias de horror.
-Aconteceu anos atrás aqui neste parque uma tragédia que marcou o lugar como assombrada. -Um ratinho queria nadar no lago, mas foi avisado pra não pular na água e pior ainda se tiver comido algo.
-Dizem que naquele dia ele comeu torta de beterraba, pra piorar ele não sabia nadar e mesmo assim foi e se afogou no lago, ninguém veio ajudar o pobre menino.
(alguns personagens ali reunidos em volta da fogueira mentalmente diz que não gosta de torta de beterraba)
-só muito tarde deram por falta dele, seu corpo nunca foi encontrado. Ainda deve estar lá na parte mais funda, gelada e turva do lago.
Minie abraça Mickey de medo. Mickey tenta se levantar pra sair.
-onde você vai Mickey eu quero ir com você.
-erh! Minie eu preciso dar um pulinho no mato porque... bem a natureza me chama. Hehe
-ho! Mas não demore Mickey.
-ta com medo em! –eu? Que nada!
-não se preocupe você não vai ficar sozinha e volto logo.
Continuando a ouvir a narração.
-Desse dia em diante seu fantasma em algumas noites sai do lago com uma torta de beterraba na mão a procura de pessoas para levar pra agua se você não souber nadar vai se afoga.
-Sua chance de conseguir escapar dele é não comer sua torta e saber nadar. Mas até hoje ninguém que tenha sido levado por ele retornou.
-Existem vários relados de pessoas que desapareceram neste lago e nunca mais foram vistas provavelmente foram carregadas pelo fantasma do menino que vive lá.
-Aconselho ninguém chegar perto do lago a noite pode ser que ele te puxe pro fundo, um amigo meu diz que apenas estava olhando pro lago a distancia em uma noite de lua cheia quando viu uma silhueta negra de algo que parecia de um menino saindo do lago. É claro que ele preferiu não mais ficar por ali perto pra descobrir e saiu rapidinho pra longe do lago.
-onde esta o Mickey ele esta demorando.
-Mas sr. guia, nós estamos bem próximos do lago.
-É verdade pateta! Às vezes quando olho pro lago observando o brilho da lua refletindo nas ondulações da água penso ver algo surgindo ali.
Neste momento surge ele o menino do lago de nome Jason, todo mundo berra e sai correndo.
-Aaarrrgh é o fantasma e ele tem uma torta de beterraba na mão corram.
Clarabela cai dura no chão. É a primeira a sair de cena. Com o resto da turma a perseguição se prolonga é torta voando na cara de um e outro. Minie tenta fugir se escondendo na casa, mas é cercada pelo fantasma.
Ela esta tão assustada que pra conseguir fugir ela dá um chute no saco do coitado que dá um baita pulo e depois se contorce de dor segurando o suas bolas.
-ai mamãe! Com essa eu acho que vou ficar com problema no quadril. Diz jason
Pateta fica cercado na floresta de costa contra uma arvore olhando horrorizado para o fantasma que se aproxima e lhe joga na cara tortas, pateta vai caindo aos berros até deitar no chão fechando os olhos.
Mas logo abre os olhos novamente, pois escuta risadas vindas do fantasma o que lhe deixa com um balão de duvida.
No fim tudo se esclarece ser apenas uma piada.era Mickey disfarçado de fantasma.minie chorando se desculpa pelo chute.
-oh Mickey eu estava tão assustada que não conseguia pensar direito e acabei chutando você espero que não tenha machucado.

-tudo bem minie a dor já passou e agora estou legal. (mentiroso, estou mancando até agora) diz mentalmente.

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

MegaMickey (roteiro)

Com o tempo sempre querendo trabalhar com desenhos e de como serial legal fazer algum HQ para alguma editora.
O problema é conseguir, Mas se eu consegui-se um oportunidade por exemplo de criar algo para as revistas Disney o que eu escreveria?
Pensei nesta ideia. Usar o Mickey em alguma parodia de algum game. Pensei no Megaman.
Então eu já desenhei e já postei um desenho do MegaMickey. e agora deixo aqui no blog um pequeno roteiro.
Só não desenhei porque desejo por hora mexer em HQs de 100% de minha autoria. e para esse projeto com certeza ainda iria precisar de mais uns toques.

MEGA MICKEY
(O inicio do nada e do nada surge luz e vida)
O inicio da vida é um acontecimento inexplicável e fantástico.
Deste inicio a vida vai se desenvolvendo crescendo, de cada ser é destinado a seguir caminhos diferentes.
Caminhos que os levam a vitória, derrota, (fama, riqueza, genialidade, solidão)
Mas poucos nascem para brilhar (e se destacar para a prosperidade.)
E marcam sua presença na historia.

Pardal um brilhante cientista chega a um idade que o faz sentir falta de algo.
Uma companheira um filho. Ele tem ajudante o bafo, cientista não muito brilhante egoísta quem tem outras ideias para usar os inventos que desenvolvem juntos.
Pardal e Bafo trabalham em uma serie de robôs e em um deles Pardal se inspira para criar o seu filho perfeito.
Esse robô precisa estar acima de todos os outros já feitos precisa ser especial, precisa ser Mega!!
Pardal trabalhou nele afastado do bafo. Deu a ele capacidade de IA acima da media de qualquer outro robô já feito.
Deu a ele a capacidade de aprender, de possuir sentimentos e a compreensão do valor de um vida.
Achando que seu robô perfeito só precisava de um rosto ele deu aparência de um rato.
Mickey foi aprendendo muito rápido como andar e a similar as outras faces de um ser vivo evoluído.
Desejou se aproximar de outras pessoas de patopolis e se apaixonar por uma ratinha minie.
Com minie, Mickey vive grandes momentos e pensou que se fosse real namoraria ela.
Rola um beijo de consolo, mas que o deixa eternamente ligado a ela, ela e ele sabem que amor não é possível por serem um carne e outro maquina.
Conheceu o seu grande amigo pateta e o seu amigo irritado Donald.
Bafo da as cartas ele rouba vários robôs e toca o maior terror.
Só Mickey é capaz de fazer algo. Na sua ultima batalha bafo solta o ultimo e o mais perigoso e defeituoso robô dragão.
Esta será uma batalha que se não for travada a cidade corre o perigo de sumir do mapa, mas se também for desafiada Mickey pode não voltar para casa.
Os amigos todos ficam tristes ao saber disso.
Realmente isso se faz acontecer, uma grande explosão destrói parte da cidade Mickey não é encontrado só o seu capacete pelo triste pardal.
Mas o que já é o suficiente para reconstruir Mickey agora mega Mickey X, pois uma parte dos dados de memoria estavam ali.
Depois disso os anos passam com alguma ação ali e aqui.
Minie casa e tem filhos. Mickey esta sempre fiel a ela acompanhando seu tempo de vida na terra.
Mickey sentia uma tristeza em ver aquela adorável ratinha ter seu rosto rosado perderem as cores com o tempo e ficarem cinzas.
Já na velhice seu marido morre, ela esta internada com idade bem avançada.
Mickey se lamenta por não poder chorar por ela em seu leito de morte. Ele compreende, mas não consegue porque é um robô.
Mickey desejou ser aquele homem que era chamado de marido. Compartilhando cada momento com ela na jornada que chamamos de vida.
Ser um robô é uma maldição pensou mickey. Não envelhecer, não morrer, mas ver quem ama parar de respirar é terrível.

Mickey desejou ser aquele homem que era chamado de marido. Compartilhando cada momento com ela na jornada que chamamos de vida.

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Rio Conchos 1964

Cena que decalquei do filme de wester Rio conchos de 1964.
A ideia de captura uma cena e desenhar por cima já era uma vontade antiga.
Mas só recentemente capturei uma cena que achei interessante de um filme.
Eis o resultado.


segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

ScoobyDoo-MysteryBlakesHotel-TheLooby

Cenário do game (ScoobyDoo-MysteryBlakesHotel-TheLooby) para mega drive.
O game possui esse outros cenários bem interessantes.